A moda de luto

Morreu nessa noite de domingo em Paris, Yves Saint Laurent, aos 71 anos. O estilista foi um dos nomes mais fortes e importantes da moda no século XX. Chegou a Paris aos 17 anos e trabalhou com Christian Dior, do qual foi sucessor após sua morte em 57. Seu primeiro desfile veio um ano depois. E em 61 criou sua maison e fez fama ao proporcionar liberdade para a mulher na hora de se vestir, principalmente adaptando peças do guarda-roupa masculino para o feminino, como o famoso “Le Smoking” em 1966.

A empresa de YSL foi comprada pelo grupo Gucci em 99. Em janeiro de 2002 ele fez seu último desfile, apresentando uma retrospectiva dos 40 anos de trabalho. Atualmente, o diretor criativo da marca é Stefano Pilati (desde 2004).

Uma das frases mais bonitas na minha opinião que qualquer estilista possa já ter dito é de Yves Saint Laurent: “A roupa mais bonita para vestir uma mulher são os braços do homem que ela ama. Para as que não tiveram essa felicidade, eu estou aqui.”

Anúncios

Uma resposta para “A moda de luto

  1. Yves era um genio, um percursor! um ser raro que aparece de tempos em tempos!
    Pela frase vc. jcolocou a gente percebe que ele amava a mulher, fazia moda p/ ela!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s